Preposições de movimento em português

preposições de movimento em português
Mike Kotsch | Unsplash

As preposições de movimento em português estão, muitas vezes, na origem de algumas confusões para quem aprende esta língua. Além disso, uma incorreta utilização destas preposições pode criar alguns mal-entendidos.

Entre as preposições de movimento do português encontram-se as preposições a, para, por, de, em. Neste artigo, vamos explicar-lhe quais são as funções destas preposições, como deve usá-las, quais as diferenças entre si e damos-lhe também a oportunidade de praticar com atividades interativas.

Preposições de movimento em português

As preposições de movimento podem dar-nos indicações quanto à duração do movimento, ao seu destino ou ao meio de transporte, conforme pode verificar no quadro abaixo*. Normalmente, estas preposições acompanham verbos como ir, vir, voltar, sair, partir.

preposições de movimento em português

*Neste quadro, não incluímos a preposição em. Explicaremos mais à frente quais são os seus usos, comparando-a com a preposição de.

Preposições a vs. para

Como vimos, as preposições a e para distinguem-se quanto à duração do movimento. A preposição a é associada a movimentos de curta duração, enquanto a preposição para é utilizada para movimentos de longa duração.

Realize os exercícios e verifique se entende a diferença.

Preposições de vs. para

As preposições de e para utilizam-se, respetivamente, para falar da origem e do destino do movimento.

Vejamos os exercícios que se seguem.

Preposição por

Conforme vimos no quadro inicial, a preposição por é utilizada para indicar o trajeto ou percurso. Se quiser saber mais sobre as diferenças entre as preposições para e por, pode ainda descarregar gratuitamente o ebook do Falar Português sobre este assunto (clique aqui).

Vamos praticar um pouco!

Preposições de vs. em

As preposições de movimento de e em podem, ainda, ser utilizadas com os verbos ir e vir para indicar os meios de transporte utilizados numa deslocação. A preposição de acompanha meios de transporte não específicos (exemplos: o carro, o autocarro, o comboio). A preposição em contrai-se com os artigos definidos quando acompanhada por um meio de transporte específico (exemplos: o carro da Ana, o autocarro nº 727, o comboio das 14h).

Teste as diferenças no exercício que se segue.

Esperamos que as atividades propostas o(a) tenham ajudado a entender na perfeição os usos das diferentes preposições de movimento em português. Se esta e outras questões continuam a impedi-lo(a) de falar fluentemente português, está na altura de colocar a língua portuguesa no topo das suas prioridades em 2021! Para isso, conte com a ajuda do calendário anual 2021 do Falar Português! Clique na imagem para recebê-lo gratuitamente!

o mês de janeiro em provérbios

Para continuar a receber todas as atualizações, materiais e ofertas exclusivas do Falar Português, subscreva a nossa newsletter!